Pesquisar

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Videos de Quaresma no último jogo

Bonito Gesto de Quaresma:



Entrevista Após jogo



Grande Jogada de Quaresma



Golo de Quaresma filmado por alguém no estádio:

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Quaresma acusado de insubordinação

O clube turco do Besiktas atravessa um mau momento, com os jogadores a terem três meses de salários em atraso, a juntar ao facto de o emblema estar longe dos líderes.
A imprensa turca acusa Ricardo Quaresma de ser o responsável pelo atraso de uma hora no último treino. Segundo a comunicação social daquele país, o jogador português terá convocado uma reunião antes do treino. A mesma veio dar outra visão da história no dia seguinte, dizendo que Quaresma foi apenas um dos atletas que participou na reunião.

Poderá Quaresma abandonar o clube?

domingo, 27 de novembro de 2011

Quaresma dá vitória ao Besiktas sobre o Trabzonspor

Quaresma está em grande forma, podia ter marcado 4 ou 5 golões neste jogo! Infelizmente parece que ninguém anda a fazer compilações dos últimos jogos.
O Besiktas venceu neste domingo em casa do Trabzonspor e subiu na tabela do campeonato turco. Um golo de Ricardo Quaresma garantiu o triunfo à equipa orientada por Carlos Carvalhal.
Num dos campos mais complicados da Turquia, a formação de Istambul discutiu o quinto lugar com o Trabzonspor e venceu, com quatro portugueses em acção. Manuel Fernandes, Ricardo Quaresma e Hugo Almeida foram todos titulares. O extremo marcou o golo do triunfo aos 78 minutos, na marcação de uma grande penalidade. Hugo Almeida tinha sido substituído aos 72 minutos e, nos descontos, Quaresma deu o lugar ao quarto português: Júlio Alves. Com este resultado, o Besiktas sobe ao quinto posto e tem os mesmos pontos que o Istambul BB, que é quarto, lugar que dá acesso ao play-off final.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Besikta empata 0-0 com Galatasaray


O Besiktas empatou este domingo, em casa, com o Galatasaray (0-0), num intenso dérbi da cidade de Istambul. Em jogo a contar para 11.ª jornada da liga turca, Carlos Carvalhal fez alinhar de início os portugueses Simão, Ricardo Quaresma e Hugo Almeida. Após uma primeira parte equilibrada, o Besiktas dominou o segundo tempo e colocou o rival remetido à sua defesa. A bola não entrou e, com este empate, a formação orientada por Carvalhal segue na 6.ª posição da tabela classificativa, com 18 pontos.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Portugal Qualificado para o Euro 2012 depois de golear a Bósnia 6-2

Quaresma entrou aos 82 minutos para o lugar de Nani.

»PORTUGAL ESTÁ NO EURO-2012! Depois do nulo em Zenica, nada melhor que uma goleada para celebrar a determinação dos jogadores portugueses, que, com bis de Cristiano Ronaldo e Postiga, e mais dois de Nani e Veloso, selaram o apuramento para o Europeu da Polónia/Ucrânia. E nem os dois sofridos abalaram a convicção dos 50 mil portugueses que fizeram questão de testemunhar mais um feito histórico da Selecção: a quinta fase final europeia consecutiva, sexta no total. Foi na Luz, num estádio talismã, que só não deu sorte na final do Euro-2004, mas que continua a apontar o caminho das conquistas a Portugal. Ainda não foi desta que a Bósnia conquistou a presença numa fase final, depois de perder dois play-offs seguidos com Portugal, o primeiro a contar para o Mundial da África do Sul. Depois de um trajecto imaculado sob o comando de Paulo Bento, e que se seguiu ao empate com o Chipre na ronda inaugural e à derrota com a Noruega, o seleccionador manteve-se firme depois de uma derrota no último jogo de qualificação ter obrigado a discutir o play-off. Paulo Bento garantiu, ainda, que não perderia o sono caso falhasse o apuramento, mas os motivos pelos quais se vai manter bem acordado são bem melhores. Um final feliz no apuramento, que começou torto, endireitou-se e ameaçou voltar a entortar. Pelo meio caíram um seleccionador e dois jogadores, Ricardo Carvalho e Bosingwa, que se incompatibilizaram com Paulo Bento.

Os últimos 90 minutos desta caminhada deram para tudo: oito golos, uma grande penalidade marcada, duas a favor de Portugal por assinalar, um jogador expulso na Bósnia e uma equipa portuguesa, finalmente, alegre.

Não foi com tranquilidade, muito menos com nervos, mas sim com muita garra, coração e cabeça que Portugal começou por abraçar o decisivo jogo com a Bósnia-Herzegovina. Depois da horta, dos lasers e de outras provocações em Zenica, Portugal entrou no jogo com sede de vingança, mas determinado a não sujar as mãos. Paulo Bento confiou no mesmo onze, Safet Susic fez algumas alterações, ganhou a aposta o português.

O optimismo com que a Bósnia se apresentou no final do nulo da primeira mão e trouxe para Lisboa soava demasiado perigoso para simples bazófia, mas, de facto, chegou a ser confrangedor o receio da Bósnia na primeira parte. Safet Susic tinha apostado num 2-2 na Luz, na segunda mão, chegou ao intervalo mais perto desse número, mas marcar um segundo golo foi sinónimo de sofrer seis.»

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Portugal-Bósnia jogam hoje às 21:00


TODOS UNIDOS PARA LEVAR PORTUGAL AO EUROPEU!

domingo, 13 de novembro de 2011

Quaresma assume paternidade


O futebolista Ricardo Quaresma assumiu a paternidade de Ariana, de um ano e meio, fruto da sua relação com Cátia Costa, depois de um longo processo judicial. A relação de Quaresma e de Cátia Costa terminou quando esta estava grávida de cinco meses. Suspeitando de traição por parte da companheira, o jogador exigiu testes de ADN, que vieram confirmá-lo como pai da criança. Antes dos exames, Quaresma já tinha prometido que assumiria todas as responsabilidades, se viesse a provar-se que a bebé era dele, e agora está a cumprir a sua palavra. Segundo recentes declarações de Cátia Costa, o futebolista, que actualmente joga no Besiktas, clube da Turquia, “é um grande pai, que não falta com nada à sua filha”.

sábado, 12 de novembro de 2011

Portugal empata 0-0 com a Bosnia

Quaresma não jogou, ainda aqueceu durante um tempo mas não foi opção de Paulo Bento.
"Portugal fez mais do que sair com vida do inferno de Zenica. O empate com a Bósnia (0-0), que adia a decisão do play-off para o jogo da Luz, acabou por ser um objectivo mínimo, bem alcançado. Mas fica a sensação de que não seria impossível, bem pelo contrário, traduzir no marcador uma superioridade que ficou bem patente, em especial na primeira parte. Um golo fora teria sido o prémio mais justo para uma equipa que se reencontrou. Num relvado impróprio para um jogo com esta importância, e cujo estado foi agravado pela rega, a duas horas do jogo, Portugal deu prioridade à solidez e a consistência, opção traduzida na titularidade de Miguel Veloso a meio-campo. Jogando a trinco, o médio do Génova libertou Raul Meireles e Moutinho para terrenos mais adiantados, ajudando a equipa portuguesa a ganhar capacidade de pressão. Na prática, a Bósnia não existiu em termos ofensivos durante toda a primeira parte, e as oportunidades de golo, escassas, foram todas portuguesas. Pepe foi o maior símbolo de uma equipa solidária e compacta, não só pela forma como ganhou todos os duelos a Dzeko, mas também pela inteligência com que, recorrendo sistematicamente às bolas longas, obrigou a Bósnia a recuar as linhas. Ronaldo, muito marcado, encarava as dificuldades com atitude de capitão, e logo aos 18 minutos arrancou um amarelo a Salihovic, que o deixa fora da segunda mão. Sem que Patrício tivesse de fazer uma defesa, o intervalo chegava com Portugal a dominar, em todos os aspectos. Curiosamente, foi na fase em que a Bósnia, mais agressiva no recomeço, já tinha equilibrado as operações que surgiram as melhores ocasiões para Portugal. Na primeira, Ronaldo, isolado por um magnífico passe de Nani, rematou ao lado, ficando a queixar-se de um tufo de relva que lhe desviou a bola no momento exacto. Na segunda, Postiga, à meia-volta, atirou um palmo ao lado do poste, na sequência de um dos muitos livres conquistados pela Selecção. O jogo teve uma terceira etapa, que coincidiu com a entrada de Ibisevic. A Bósnia passou a jogar num 4x4x2 claro, e Dzeko ganhou companhia para inquietar mais os centrais portugueses. Pepe, imenso ao longo dos 90 minutos, e Bruno Alves, quase tão bem, iam chegando para as encomendas, mas uma falha de João Pereira na subida para o fora-de-jogo, permitiu a Ibisevic aparecer na cara de Rui Patrício. Desta vez, a relva ajudou, e o remate saiu por cima, evitando uma injustiça flagrante no marcador. Alertada por esta ameaça, a Selecção portuguesa, que já tinha Hugo Almeida e Micael em campo, acabou novamente por cima, ganhando cantos, e silenciando os adeptos bósnios. Só faltou mesmo o tal golo fora para os sorrisos serem mais rasgados. Mas esta noite, em Zenica, Portugal voltou a ser uma equipa sólida e madura.

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Selecção Portuguesa já está na Bósnia



Cerca de 200 pessoas [bósnios] estavam à espera da selecção na chegada ao Aeroporto de Sarajevo, com muitos gritos dirigidos a Ronaldo, mas também provocações ao internacional português, com referências a Messi e ao Barcelona. Desta vez, ao contrário do que aconteceu há dois anos, os adeptos foram mantidos à distância por um corpo de segurança especial, para formar um perímetro de segurança Assim que a selecção partiu para Zenica [mais uma hora e meia de caminho], os adeptos dispersararam. Os últimos 70 quilómetros da viagem foram feitos de autocarro. Portugal fica instalado no mesmo hotel onde ficou quando defrontou a Bósnia, no play-off de apuramento para o Mundial de 2010. Na comitiva está Gilberto Madail, Presidente da Federação, que esteve ausente de anteriores viagens, por motivos de saúde. Carlos Marta, candidato a presidente da FPF também viajou. Fernando Gomes, o outro candidato, chega amanhã. A viagem de Lisboa para Sarajevo demorou três horas e decorreu sem sobressaltos. Amanhã Portugal faz um treino de adaptação ao péssimo relvado do Estádio em Zenica. A sessão começa às 17h00 portuguesas. O relvado gera grande preocupação e é motivo de muitas conversas entre a comitiva portuguesa. A temperatura na Bósnia à chegada da Selecção era de cinco graus positivos.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Besiktas perde com Gençlerbirligi por 4-2.

O Besiktas de Carvalhal perdeu no terreno do Gençlerbirligi (4-2), depois de ter estado a vencer por 2-0 - jogo da 10ª jornada da Liga turca. A formação de Istambul, que contou com Quaresma e Simão durante os 90 minutos, desperdiçou a oportunidade de isolar-se na vice-liderança e colar-se ao Fenerbahçe, que perdeu. Fabian Ernst inaugurou o marcador aos quatro minutos e Pektemek fez o segundo dos visitantes, aos 24. Tum reduziu para a formação da casa, aos 53, e Meric igualou passados três minutos. Um autogolo de Korkmaz colocou o Gençlerbirligi na frente do marcador, aos 78. Kilicarslan fixou o resultado em cima dos 90. Hugo Almeida foi suplente utilizado. O avançado entrou aos 57 minutos. Manuel Fernandes voltou a não ser opção para Carlos Carvalhal.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Quaresma convocado para os jogos com a Bosnia

Paulo Bento divulgou esta sexta-feira a convocatória para os decisivos encontros com a Bósnia, nos dias 11 e 15 deste mês.

Os 23 eleitos são:

Guarda-redes: Eduardo, Rui Patrício e Beto
Defesas: Pepe, Rolando, Bruno Alves, Fábio Coentrão, Sereno, João Pereira e Sílvio
Médios: João Moutinho, Miguel Veloso, Raul Meireles, Ruben Amorim, Carlos Martins e Ruben Micael
Avançados: Cristiano Ronaldo, Danny, Hugo Almeida, Hélder Postiga, Nani, Nuno Gomes e Ricardo Quaresma.

A primeira mão do play-off está marcada para 11 de novembro em Zenica (20h00 locais, 19h00 em Lisboa) no Estádio Bilino Polje, enquanto o encontro decisivo é disputado quatro dias depois no Estádio da Luz (21h00), em Lisboa.

Skill vs Fenerbahçe

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Liga Europa: Besiktas vence Dinamo de Kiev por 1-0

O Besiktas venceu o Dínamo Kiev, por 1-0, em jogo da 4ª jornada do Grupo E da Liga Europa. Simão Sabrosa fez a assistência para o golo apontado por Egemen Korkmaz, aos 67 minutos. Este resultado faz com que a formação de Istambul suba para a segunda posição, ultrapassando o conjunto ucraniano. Carlos Carvalhal colocou Quaresma, Simão e Hugo Almeida no onze inicial. Só o primeiro foi totalista. O avançado saiu aos 87 minutos e Simão foi substituído já em tempo de descontos. Manuel Fernandes não foi convocado.

Besiktas vs Dynamo Kiev

Hoje às 18:00 o Besiktas recebe o Dynamo de Kiev, jogo a contar para a 4º jornada da Liga Europa.